Mulheres vítimas de violência são atendidas em ação da Defensoria Pública do Amazonas, no bairro Cid


Após denunciar à Polícia Civil agressões constantes e várias tentativas de acordo com o ex-companheiro, a dona de casa Lucilene Elias, 46 anos, recorreu à Defensoria Pública do Amazonas (DPE-AM) para entrar com ação judicial com pedido de pensão alimentícia em favor dos filhos, durante ação itinerante na Delegacia Especializada de Crimes contra a Mulher do bairro Cidade de Deus, zona norte de Manaus, nesta quinta-feira, 20 de outubro. Ela estava na Delegacia aguardando a quarta tentativa de audiência com o ex-companheiro, que não compareceu.

“Há três anos sou separada, e há sete meses meus filhos não recebem a pensão. Sou perseguida e agredida pelo meu ex-esposo constantemente. Como ele não veio e eu já estava com toda a documentação em mãos agora, optei pelo intermédio da Defensoria para dar entrada em uma ação judicial e espero resolver essa questão o quanto antes”, disse a dona de casa.

Lucilene Elias foi uma das 82 pessoas atendidas no primeiro dia da ação itinerante da DPE-AM, realizada por meio do projeto “Defensoria nos Bairros”. A ação alusiva ao “Outubro Rosa”, mês da prevenção do câncer de mama e colo de útero no Amazonas, acontece em parceria com o Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM).

De acordo com a coordenadora do projeto “Defensoria nos Bairros”, defensora pública Caroline Braz, muitos dos conflitos que geram situações de violência doméstica estão relacionados à questões da área de Família, como divórcio, pensão alimentícia e guarda dos filhos, daí a importância da ação da DPE-AM na Delegacia da Mulher.

Os atendimentos vão até amanhã, dia 21, das 8h às 17h, nas áreas de Família e Registros Públicos, que envolvem questões como divórcio, declaração ou dissolução de união estável, guarda de crianças e adolescentes, pensão alimentícia, retificação de registro civil, inventário e curatela, entre outros. A assistência jurídica está sendo oferecida por duas defensoras públicas e assistentes jurídicos, além do apoio da equipe de psicólogos e assistentes sociais da DPE-AM.

Fotos: Valdo Leão/Secom e DPE-AM

#Atendimento #DPEAM #DelegaciadaMulher #Itinerante

61 visualizações