Audiência de conciliação define dia 30 de abril como prazo para desativação da Cadeia Raimundo Vidal


A unidade prisional, localizada no Centro, estava desativada e voltou a ser utilizada após o massacre de presos no Compaj no início do ano

O encerramento das atividades da Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa com a transferência de 226 presos que estão na unidade desde o início de janeiro por conta de rebelião e morte de detentos no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), está marcado para o dia 30 de abril deste ano, com tolerância de mais 15 dias, caso haja necessidade de atender situações eventuais.