Palestra sobre Constelação Sistêmica no Poder Judiciário terá idealizadora do projeto Constelar e Co


A presidente da Associação Brasileiras dos Consteladores Sistêmicos, Adhara Campos Vieira, vai ministrar a palestra “Constelação Sistêmica Familiar no Poder Judiciário”, marcada para o próximo dia 10 de agosto, das 15h às 17h, em Manaus. Adhara idealizou o projeto Constelar e Conciliar, implantado no Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT) e vem utilizando com êxito a constelação familiar em diversas áreas como, por exemplo, no sistema socioeducativo com os adolescentes em conflito com a lei.

Conforme o TJDFT, a técnica é aplicada em uma oficina vivencial para a qual as partes dos processos são convidadas a participar de maneira voluntária. “A abordagem sistêmica ajuda a identificar conflitos escondidos por trás das demandas judiciais, por meio do esclarecimento de percepções equivocadas das relações familiares”, de acordo com o Judiciário do Distrito Federal.

“A constelação é uma técnica terapêutica breve que trabalha por meio de representações e imagens e a estamos utilizando como um recurso a mais no Tribunal de Justiça do Distrito Federal para resolução de conflitos”, explicou Adhara Campos Vieira, acrescentando que a experiência do TJDFT pode ser levada e aplicada em outros Estados.

O advogado Clynio Maurício, que está na organização do evento, destacou que 86% dos acordos fechados nas Varas de Família do TJDFT foram alcançados com a aplicação da técnica da constelação. “A palestra vai contar como essa técnica terapêutica, desenvolvida pelo psicoterapeuta alemão Bert Hellin