Defensoria Pública do Amazonas terá uma nova sede situada no bairro do Aleixo


O defensor público geral do Amazonas, Rafael Barbosa, assinou na manhã desta terça-feira, 30, o contrato de locação da nova sede da Defensoria Pública do Amazonas (DPE/AM), que ficará localizada na Avenida André Araújo, bairro Aleixo, Zona Centro-Sul de Manaus. O prédio tem 11 mil metros quadrados e possui 10 andares, sendo cinco no subsolo.

O novo edifício tem 206 vagas na garagem e a localização vai facilitar o acesso da população à DPE/AM. A nova sede da instituição ficará nas imediações do Fórum Henoch Reis, do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ/AM), do Ministério Público Federal (MPF/AM) e do anexo do Ministério Público do Estado (MPE/AM). O aluguel custará R$ 150 mil por mês.

Atualmente, a DPE/AM mantém gastos de R$ 53 mil com aluguéis. De acordo com o defensor público-geral, Rafael Barbosa, a mudança é estratégica e natural diante do aumento da demanda de público da Defensoria. Entre 2016 e 2017, o órgão aumentou de 230 mil para 276 mil o número de atendimento, o que corresponde a 25% a mais em um ano.

Rafael Barbosa explica que apesar do custo adicional com aluguel, a instituição vai economizar com combustível, devido aos constantes deslocamentos entre os núcleos do órgão e, além de tudo, vai garantir um espaço digno de atendimento à população.

“Nosso gasto com aluguel vai aumentar, mas, em compensação, nós iremos unificar serviços, concentrar atividades, ampliar atendimentos e garantir segurança. Com certeza vale o gasto porque é em prol da população, que merece esse atendimento”, comentou.

Para ele, “esse é um dos momentos mais importantes da Defensoria Pública do Amazonas”. “A instituição hoje alcançou um patamar de atendimento em que o imóvel atual já não correspondia e não representava a importância dela para o Estado”, disse Rafael Barbosa.