Casal de idosos tem união estável de 27 anos reconhecida em atendimento da Defensoria Pública feito


José dos Santos Costa, de 89 anos, sofreu um AVC em 2018 e não poderia ir até uma unidade da Defensoria para reconhecer a união com Dioneia Gonçalves Mendes, de 62 anos

O casal Dioneia Gonçalves Mendes, 62, e José dos Santos Costa, 89, teve a união estável de 27 anos reconhecida em um atendimento da Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM) realizado na casa deles, em Itacoatiara, na última sexta-feira (18). José, que foi vítima de câncer de pele, sofreu um acidente vascular cerebral em 2018 e está com o lado direito do corpo paralisado, não podendo ir até a unidade d