Defensoria promove roda de conversa para contribuir com a conscientização sobre o autismo


O debate é aberto ao público, mas também voltado a famílias e universitários de instituições públicas ou privadas

A Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM) realiza no próximo dia 11 de abril, no auditório da Faculdade Santa Teresa, a partir das 9h, uma roda de conversa que tem o autismo como tema central. A iniciativa faz parte do projeto "Nosso coração também é azul", por meio do qual a instituição dará andamento, neste mês, a uma série de ações para colaborar com a conscientização sobre a síndrome.

Do debate participarão especialistas da área de Neuropediatria, Direito e Psicologia, além de pais e mães de filhos diagnosticados com Transtorno do Espectro do Autismo (TEA). A experiência pessoal de cada um, as formas de tratamento e as barreiras que ainda precisam ser superadas no que diz respeito ao enfrentamento da síndrome serão os temas centrais da discussão.

Além desse encontro, o projeto "Nosso coração também é azul" seguirá promovendo reuniões mensais com pais e profissionais gabaritados no tratamento do autismo, de modo a contribuir para o compartilhamento de suas experiências e o acolhimento das famílias.

A Defensoria Pública do Amazonas também vai disponibilizar assistência jurídica e psicológica o ano inteiro a pais que necessitem do auxílio e se enquadrem nos padrões de atendimento da instituição. Além disso, a instituição também busca parcerias com adestradores para ofertar sessões de cinoterapia, visando melhoras no desenvolvimento motor e mental dos autistas.

"A ideia do projeto é colaborar com a luta de pais e mães que enfrentam, muitas vezes de maneira solitária, as consequências do autismo dentro de casa. A troca de experiências, nesse caso, e o acolhimento a essas famílias, é primordial", diz a defensora pública Flávia Lopes, coordenadora de Projetos Especiais da DPE-AM.

"O propósito da roda de conversas também é saber, por meio dos relatos que serão apresentados, de que forma podemos contribuir de maneira ainda mais efetiva, seja com ações na área judicial, seja no âmbito psicológico e da assistência social", reforça ela.

A fim de marcar o apoio à temática, o site da Defensoria Pública do Amazonas, cuja cor predominante é verde, ganhou a cor azul desde o dia 1º de abril. Membros da DPE-AM também prestigiam eventos em alusão ao Mês de Conscientização do Autismo, como a homenagem feita pela Câmara Municipal de Manaus (CMM), no início da semana, a três instituições de apoio a famílias de autistas.

Na ocasião, foram homenageados o Espaço de Atendimento Multidisciplinar ao Autista Amigo Ruy (EAMAAR), o Instituto Autismo do Amazonas e a Associação de Amigos do Autismo no Amazonas – Anjo Azul. A defensora pública Flávia Lopes discursou durante o evento e, mais uma vez, colocou a Defensoria à disposição das famílias.

PÚBLICO ALVO

A roda de conversa é aberta a famílias que lidem com autistas no cotidiano, ao público em geral, mas também voltada a alunos dos cursos de direito, pedagogia, psicologia, assistência social e medicina, de instituições públicas ou privadas. A entrada é gratuita.

O evento é fruto de uma parceria da DPE-AM com a Faculdade Santa Teresa, que fica localizada na rua Acre, número 200, bairro Nossa Senhora das Graças (Vieiralves). Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 98407-0311.

#DPEAM #Autismo #Rodadeconversa #inclusão

0 visualização