Palestras promovidas em alusão ao Setembro Amarelo alertam e orientam para a prevenção ao suicídio


Psicólogas e psiquiatra especializadas no assunto abordarão temas como incidência entre jovens e projetos de prevenção

A Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM) está realizando a campanha Abraço em Defesa da Vida, em alusão ao Setembro Amarelo, mês de prevenção ao suicídio. Como parte da programação de mobilização para alertar sobre esse grave problema, a Escola Superior da Defensoria Pública do Estado do Amazonas (Esudpam) realizará palestras no dia 18 de setembro voltadas para a conscientização dos servidores da instituição.

As palestras ocorrerão no auditório da sede da Avenida Maceió, 307, bairro Nossa Senhora das Graças, zona centro-sul de Manaus, das 14h às 16h. As inscrições podem ser feitas pelo e-mail inscricoesesudpam@defensoria.am.gov.br., de 2 a 6 de setembro. O edital da Esudpam que trata das inscrições e das palestras está disponível no Diário Oficial Eletrônico e no site da Defensoria - https://www.defensoria.am.def.br/, na aba da Esudpam, no link de Editais.

A programação de palestras será aberta com as psicólogas Esmênia Almeida da Silva e Nilma Evangelista Vilaça de Araújo, que falarão sobre o projeto ACOLHE-DOR, da psicóloga Marly Paixão.

Nilma é psicóloga, pós-graduanda em Gestão de Pessoas pelo Centro Universitário do Norte (Uninorte). Psicóloga Clínica e Organizacional, psicóloga voluntário do projeto Acolhedor e Membro da Associação de Terapia Familiar do Amazonas (ATEFAM).

Esmênia é psicóloga clínica e organizacional, formanda em Constelação Familiar Sistêmica (Imensa Vida) e membro da Associação de Terapia Familiar do Amazonas (ATEFAM). Também é voluntária como psicóloga do Projeto ACOLHE-DOR.

O projeto ACOLHE-DOR é de metodologia ativa e preventiva, que visa evitar em tempos modernos a ideação suicida em jovens e adolescentes na cidade de Manaus, visando a promoção da estabilidade emocional para a comunidade. É um projeto social voluntário que incluiu múltiplas técnicas e procedimentos da Psicologia para toda comunidade e escolas. O projeto acontece todos os sábados na Escola Antônio de Lucena Bitencount.

Em seguida, a psicóloga Ketty Do Socorro Figueiredo Moreira, que atua na Secretaria de Estado da Educação (Seduc) na zona centro-sul de Manaus assistindo 36 escolas, vai apresentar dados sobre suicídio colhidos pela Coordenadora Distrital de Educação onde trabalha. Ela atua diretamente com demandas de dificuldade de aprendizagem; sinais de abuso; drogas; auto lesão; tentativa de suicídio; suicídio; estupro; os tipos de violência e mediação de conflitos.

A programação seguirá com a psicóloga Elayne Cristina Oliveira Pensador falará sobre o projeto AMIGOS DA PONTE-VIDA, que tem trabalhado a prevenção ao suicídio na Ponte Phelippe Daou, onde tem havido significativo número de ocorrências de suicídios e de tentativas de suicídio.

Elayne é educadora, palestrante e coach vocacional, especialista em Psicopedagogia, pós-graduanda em Terapia Cognitivo Comportamental, mestranda em Psicologia Clínica e da Saúde. Atua na área educacional e clínica, atendendo jovens e adultos. Elay é ainda idealizadora do projeto ESCUTA EMERGENCIAL NAS ESCOLAS E INSTITUIÇÕES, coidealizadora do projeto AMIGOS DA PONTE-VIDA, objetivando promover saúde e bem-estar biopsicossocial às pessoas que precisam de apoio emocional e atendimento psicológico.

O encerramento das palestras será com a psiquiatra Alessandra Pereira, que abordará o suicídio propriamente dito. Alessandra é médica psiquiatra graduada pela Universidade Federal do Amazonas (UFAM), membro titular da Associação Brasileira de Psiquiatria e membro da Associação Brasileira de Estudos e Prevenção de Suicidologia.

#DPEAM #Esudpam #Suicídio #SetembroAmarelo #AbraçoemDefesadaVida

135 visualizações
INSTITUCIONAL
Please reload

DIÁRIO OFICIAL
Please reload

CONSELHO SUPERIOR
Please reload

LEGISLAÇÃO
SERVIÇOS
Please reload

IMPRENSA
Please reload

Please reload

Avenida André Araújo, nº 679 - Bairro Aleixo
CEP 69060-000 | Manaus - Amazonas