Defensoria reúne comunidade científica para debater medidas de prevenção à 3ª onda da pandemia



Reunião será realizada nesta sexta-feira, às 19h, em formato virtual, com a participação de pesquisadores de Ufam, UEA, Fundação de Medicina Tropical e Fiocruz


O Núcleo de Defesa da Saúde (Nudesa) da Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM) realiza na noite desta sexta-feira (16), reunião com representantes da comunidade científica para debater medidas preventivas a uma possível 3ª onda da pandemia de Covid-19. A reunião, realizada em ambiente virtual, tem como objetivo levantar informações sobre a eficácia de métodos não farmacológicos para a interrupção de cadeias de transmissão pelo novo coronavírus (SARS-CoV2) no Estado do Amazonas, dentre outros pontos relacionados à pandemia.


Participam do encontro pesquisadores das universidades Federal do Amazonas (Ufam) e do Estado do Amazonas (UEA), da Fundação de Medicina Tropical (FMT) e da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).


De acordo com o coordenador do Nudesa, defensor público Arlindo Gonçalves, a reunião desta sexta faz parte do andamento do Procedimento para Apuração de Dano Coletivo (Padac) instaurado para avaliar as medidas não farmacológicas adotadas nesse momento pelo Estado do Amazonas e município de Manaus, como forma de reduzir a possibilidade de uma terceira onda ou, pelo menos, postergá-la o máximo possível.


“A finalidade é ouvir o que os pesquisadores têm para falar, permitir um diálogo entre Defensoria e comunidade científica, de modo a que a gente possa sanar algumas dúvidas que já começam a surgir a respeito de medidas mais adequadas para prevenir uma possível terceira onda. A ideia é que realmente haja essa troca de informações, para que a comunidade científica possa municiar a Defensoria Pública e para que a instituição possa, se entendermos necessário, adotar providências extrajudiciais ou judiciais, a depender das recomendações feitas e de todo o levantamento que já temos até agora”, explicou o defensor Arlindo Gonçalves.


Participam da reunião Marcus Vinitius de Farias Guerra, diretor presidente da Fundação de Medicina Tropical (FMT-HVD); Menabarreto Segadilha França, professor da Ufam e médico infectologista, epidemiologista e sanitarista; Maria Paula Gomes Mourão, pesquisadora da FMT-HVD, professora adjunta e pro-reitora de Pesquisa e Pós-Graduação da UEA e médica infectologista. Também participam Jesem Douglas Yamall Orelanna, pesquisador em Saúde Pública/Epidemiologia da Fiocruz; Marcelo Campese, professor da Faculdade de Farmácia da UFAM; Edson de Oliveira Andrade, médico especialista (FCECON), e Diego Castro Squinello, técnico de laboratório da Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Ufam.

45 visualizações
INSTITUCIONAL
Please reload

DIÁRIO OFICIAL

E-mail exclusivo para a imprensa:

ascom.dpeam@gmail.com

SERVIÇOS
Please reload

COMUNICAÇÃO
LEGISLAÇÃO
Avenida André Araújo, nº 679 - Bairro Aleixo
CEP 69060-000 | Manaus - Amazonas